Como o seu negócio está relacionado com as mudanças climáticas?

22 \22\UTC abril \22\UTC 2010 at 16:43 Deixe um comentário


Cerâmica Kitambar, de Caruaru (PE), que reduziu a emissão de gases do efeito estufa

O Brasil é hoje o quarto maior emissor de gases de efeito estufa para a atmosfera. Isso ocorre devido aos altos níveis de desmatamento nos mais importantes biomas do país: caatinga, cerrado, mata atlântica e amazônia. De acordo com especialistas, a maior causa de emissão de gases do efeito estufa em países em desenvolvimento é o desmatamento. Além dele, o uso de combustíveis fósseis (como óleo pesado e petróleo) e as atividades industriais também estão no topo do ranking das atividades humanas que causam o efeito estufa.

Atualmente, a indústria de cerâmica vermelha no Brasil utiliza como principal combustível para seus fornos a lenha nativa de diferentes biomas ou combustível fóssil. Isso significa que no cenário atual a maioria das indústrias cerâmicas contribui para a emissão de gases de efeito estufa para a atmosfera.

Mas isso pode ser alterado. Trocando seu combustível por biomassa renovável e seguindo as especificações de metodologias propostas pela ONU (Organização das Nações Unidas) para a redução de emissões, é possível que sua empresa reduza as emissões de gases de efeito estufa.

Ao reduzir a emissão desses gases é possível gerar créditos de carbono que podem ser vendidos no Mercado Voluntário de Carbono. Além disso, o projeto de substituição de combustível pode melhorar sua empresa em vários aspectos, incluindo a produtividade e eficiência tecnológica.

A Carbono Sustentável (antiga Carbono Social Serviços Ambientais) tem o maior portfólio de projetos de substituição de combustível no Mercado Voluntário e utiliza o CARBONOSOCIAL, que garante a qualidade dos projetos e a sustentabilidade de seu empreendimento. Além de codesenvolver o projeto de carbono junto à sua empresa, a Carbono Sustentável apresenta nomes importantes na sua lista de compradores de créditos, como Banco Mundial, Natura e JP Morgan.

Uso de biomassa como combustível desenvolveu o comércio de coco na região de Caruaru (PE)

“A primeira vez que a Carbono Sustentável me procurou para falar do projeto de créditos de carbono, confesso que tive receio. Mas auxiliado por seus assessores técnicos levei a troca de combustível à frente, validamos o projeto e verificamos os créditos. Além de ter recebido o dinheiro da venda dos créditos, minha empresa se organizou muito mais, já que os validadores e os próprios compradores trabalham de maneira muito séria e exigem evidências em todo o processo de desenvolvimento do projeto”, diz Antônio Marcos, proprietário da Cerâmica Kitambar, de Caruaru (PE).

Entry filed under: Cerâmicas, Mudanças Climáticas, Pernambuco. Tags: .

Como as mudanças climáticas afetam sua vida? Acompanhe as emissões de CO2 de cada país

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Inscreva-se para receber notificações de novos artigos por email!

Junte-se a 47 outros seguidores

Nosso Facebook

Nosso Twitter

  • Você sabe por que nossos créditos de carbono são premium? Além de auxiliarmos nossos clientes a serem mais... fb.me/8iUGQ99RK 19 hours ago
  • Compartilhamos com vocês as impressões de Divaldo Rezende, vice-presidente do Instituto Ecológica, sobre a COP... fb.me/7qgdfhFFh 2 days ago
  • Nossos projetos, além de reduzirem a emissão de gases de efeito estufa, também promovem o desenvolvimento... fb.me/LeTywejZ 3 days ago
  • Destacamos alguns dados divulgados no relatório anual da Forest Trends para manter vocês atualizados sobre o... fb.me/JTuvOsjn 1 week ago
  • Separamos algumas iniciativas do Brasil, Russia, Índia, China e África do Sul que demonstram, em pequena ou... fb.me/3mqG4aCna 1 week ago

%d blogueiros gostam disto: